Curso Gratuito de Automação de Testes Para Iniciantes

Disponível no
Youtube

 

10 Dicas de Como Ser um Bom Analista de Qualidade

Analista de Qualidade

10 Dicas de Como Ser um Bom Analista de Qualidade

 

O profissional de Quality Assurance (QA) é altamente requisitado no mercado por conta da demanda cada vez maior dos consumidores por produtos de qualidade. Quem se aventura nessa área se depara com muitos desafios, aprendizados e competição. Portanto, para se manter em evidência dentro desse campo, muitos se perguntam: como ser um bom analista de qualidade?

Existem muitos fatores que formam um bom profissional em qualquer área. Dentro do campo de Quality Assurance, podemos mapear algumas características em comum que agradam o mercado de TI e fazem alguns Analistas de Qualidade terem um perfil de alto padrão. Confira as dicas que o ClickA separou:

 

 

1 –  Desempenhe bem as funções básicas

 

Para ser um excelente Analista de Qualidade, é preciso ter conhecimento sobre as atividades básicas da função. Garantir a qualidade do produto e do processo de desenvolvimento do mesmo são os principais objetivos desse profissional. Esses objetivos dependem de tarefas que precisam ser feitas com excelência. Portanto, é necessário garantir uma execução satisfatória das funções básicas para que o objetivo principal seja cumprido.

Abaixo, elencamos algumas das funções básicas que um Analista de Qualidade deve desempenhar bem:

 

Funções Analista de Qualidade

 

  • Identificar e comunicar possíveis falhas, riscos e defeitos ao longo do processo;
  • Validar o processo ao final de cada etapa;
  • Domínio das funções de determinado software;
  • Garantir que o software corresponda às necessidades do cliente;
  • Análise de teste;
  • Análise de negócios;
  • Estratégia de teste;
  • Teste manual;
  • Automação de teste;
  • Testes exploratórios;
  • Testes de regressão;
  • Teste de Requisitos de Funcionalidade Cruzada;
  • Criação e manutenção de dados de teste;
  • DevOps;
  • Teste de manutenção e refatoração

 

O Analista de Qualidade desempenha muitas funções, apesar de grande parte das vezes contar com o auxílio de uma equipe. Nem todos os QA’s saberão desempenhar todas essas tarefas, e não há nada de errado nisso. Porém, apesar do apoio, para ser um bom QA é ideal executar grande parte dessas funções acima de forma satisfatória.

 

 

2 – Dedique-se aos estudos

 

Parte do caminho para se tornar um bom Analista é se dedicar aos estudos. Isso porque Quality Assurance é uma área complexa e cheia de desafios. Para desempenhar as atividades de QA, o profissional deve obter conhecimentos que só se adquirem através dos estudos e da experiência. Nessa área, esses dois componentes andam lado a lado.

Para fazer automação de testes, por exemplo, é ideal conhecer o básico da linguagem Orientada para Objetos. Os conhecimentos básicos também se estendem para SQL, Infra,  Excel, Testes Móveis, Fundamentos da Web, Integração Contínua e Sistemas Operacionais.

Já no que diz respeito aos conhecimentos mais aprofundados, é desejável que o Analista de Qualidade tenha compreensão sobre Selenium Webdriver, BDD, SSH, entre outros.

Essas são apenas recomendações de estudos dentro da área de Quality Assurance, mas as possibilidades são infinitas.

 

 

3  – Fique de olho em cursos e treinamentos

 

Outra forma de se dedicar aos estudos é fazendo cursos e treinamentos. Muitas vezes, essas são formas mais lúdicas, práticas e efetivas de adquirir aprendizado. Além disso, muitos cursos oferecem certificados que agregam imensamente no currículo e fazem o profissional ficar mais competitivo perante o mercado.

Realizar cursos pode ser mais fácil do que parece com o auxílio da internet. Isso porque existem milhares de cursos excelentes online, ministrados por professores e profissionais renomados do mercado. Além de praticidade, muitos treinamentos online oferecem atividades extras e um contato facilitado com o professor. Abaixo, deixamos algumas recomendações de cursos altamente aprovados pelos mais de 85 mil profissionais de TI cadastrados no ClickA.

 

Cursos Online de QA

 

 

QA Week

 

Além dos cursos online, treinamentos ministrados por diversos profissionais também é uma ótima forma de adquirir conhecimento. Com essa intenção, a empresa de treinamentos Bee Lab Solutions está promovendo um evento online voltado totalmente para profissionais de Quality Assurance e áreas correlacionadas.

Chamado de QA Week, o evento será um treinamento online com o objetivo de compartilhar conhecimentos através de profissionais de tecnologia inseridos no tema de QA. O treinamento ocorrerá entre os dias 17 à 21 de fevereiros, das 14h as 18h, e a melhor parte: a inscrição é totalmente gratuita!

Na QA Week você vai aprender a:

  • Montar uma automação de testes usando protractor e JavaScript com Bruno Figueiredo;
  • Elaborar e reutilizar pipelines no GitLab CI com Oscar Tanner;
  • Desenvolver um QA Chapter relacionando práticas DevOps com Bárbara Cabral;
  • Construir TDD, Test Drive Development com xUnit e .Net Core 3.0 com Daniel Jesus;
  • Promover Testes de Acessibilidade com Victoria Passarelli Kosztits;
  • Desmistificar os testes de API’s o que e como testar com João Júnior;
  • Entender e utilizar docker com Oscar Tanner
  • Utilizar Appium e TestNG como alternativa para Execução em paralelo de testes mobile com Chrystian Rosa e Tiago Guimarães da Silva;
  • Entre outros.

Faça sua inscrição no link https://www.sympla.com.br/qa-week-2020__746462

Esse é só um dos vários cursos e treinamentos disponíveis no mercado de QA. É preciso sempre ficar de olho e em busca de novas oportunidades para aperfeiçoar o conhecimento.

 

 

4 – Seja ágil

 

Ser ágil na área de qualidade não necessariamente significa ser rápido. De acordo com o Manifesto Ágil, ser ágil significa realizar um desenvolvimento sustável de software, focando na qualidade da entrega e na atenção contínua da excelência técnica. Por isso, realizar uma entrega continuada de um produto valioso é um dos principais dogmas desse pensamento ágil.

 

 

5 – Seja organizado(a)

 

Parte das responsabilidades do Analista de Qualidade envolve repassar demandas para outros setores. Uma vez que esse profissional lida com uma grande e importante quantidade de informações, é importante que ele(a) seja organizado(a) em seu trabalho.

Existem métodos que auxiliam na organização do dia a dia do Analista de Qualidade, como o PCDA (Plan Check Do Act) e o S5 (Seiri, Seiton, Seisou, Seiketsu e Shitsuck). Um profissional familiarizado com ambas ferramentas tem capacidade para ser um excelente QA.

 

 

6 – Corra atrás de uma boa formação

 

O Analista de Qualidade não tem, obrigatoriamente, que ter uma formação superior. Essa característica, entretanto, é desejável por grande parte dos contratantes. Um curso técnico em Qualidade é o mínimo exigido.

Além do curso técnico, possuir uma graduação superior em Tecnologia também é desejável. Apesar desse curso ser recomendado, existem muitos profissionais de QA com graduações em Administração ou em Gestão de Qualidade.

 

 

7 – Aprimore seu pensamento sistêmico

 

Ter um pensamento sistêmico significa possuir a capacidade de compreender como o relacionamento entre os colaboradores influencia o sistema. Um profissional com esse característica é capaz de moldar os comportamentos para se ajustarem aos processos da empresa. Isso ajuda na eficácia da equipe e agrega mais valor ao resultado final.

Portanto, aprimorar seu pensamento sistêmico é uma outra forma importante de garantir a qualidade do produto final. Além disso, é uma boa maneira de compreender sua equipe e trabalhar melhor com a mesma.

 

 

8 – Trabalhe sua visão estratégica

 

O Analista de Qualidade lida com muitas informações importantes no dia-a-dia, por isso ter uma visão estratégica é essencial. Em meio à tantos dados vindos de variadas fontes, o QA precisa ter a habilidade analítica de separar e priorizar as informações de acordo com a necessidade da empresa e da demanda.

 

 

9 – Invista na sua liderança

 

O profissional de Quality Assurance precisa se comunicar com diversos setores de forma clara e efetiva. Além disso, deve ser capaz de penetrar facilmente nos diversos meios. Habilidades como comunicação e integração fazem parte de uma perfil de liderança necessário nesse cargo.

Portanto, invista na sua capacidade de liderança. Pois um Analista de Qualidade com perfil de líder é capaz de ajudar todas as áreas à buscar o máximo de qualidade e excelência em seus processos.

 

 

10 – Seja pró-ativo(a)

 

Ser proativo é uma skill cada vez mais demandada no mercado de trabalho. Portanto, na área de Quality Assurance não seria diferente. Por isso, diante às variadas demandas do dia-a-dia do Analista de Qualidade, um profissional que se predispõe à executar tarefas é um destaque.

Essas dicas têm potencial para fazer de você um excelente Analista de Qualidade. Por mais que seja difícil possuir todas essas características, uma combinação entre elas já é um imenso diferencial no mercado.

Conseguiu se identificar com alguma dessas dicas? Quer aprender mais sobre alguma delas? Então cadastre-se no ClickA para saber mais do universo de Quality Assurance. Na plataforma, você pode ter acesso às vagas de TI dessa área além das indicações de cursos, planejamento de carreira, entre outros. No ClickA você descobre tudo sobre como ser um bom Analista de Qualidade!